Goiás (Brasil): as 3000 famílias do MST dominam o processo na ocupação Dom Tomás Balduíno

mst.goias_.dom_.tomas_1Apesar da liminar de despejo, o contexto político favorece a formação de um novo assentamento na fazenda de um senador do Ceará.

Na madrugada do passado domingo, 31 de agosto, 3000 famílias do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) ocuparam a fazenda Santa Mônica, situada entre os municípios de Alexânia, Corumbá e Abadiânia. Trata-se dum dentre os 91 imóveis rurais que o candidato a governador do Ceará, Eunício Oliveira (PMDB), possui no estado de Goiás, 20.000 hectares de pouca produtividade, onde a maior atividade é a produção de gado.

3000 famílias organizadas

A tomada da terra foi pacífica, apesar de representantes da propriedade e 5 viaturas da polícia terem parado a fila de carros no meio da estrada e alguns carros do Movimento terem sido revistados. Às 5 horas da manhã mais de 700 veículos entravam na fazenda e as famílias se instalavam já no novo acampamento provisório do futuro assentamento, batizado de Dom Tomas Balduíno em honra ao grande lutador e ativista goiano. [Read More]