Rio de Janeiro (Brasil): 18/06 – Ato da greve unificada dos professores contra os mais de 150 processos de exoneração de grevistas e a perseguição politica

Nesta quarta-feira, 18/06, mais uma vez os professores foram às ruas do Rio de Janeiro levar suas reivindicações, e protestar contra os processos de exoneração de mais de 150 professores da rede Estadual por conta da greve. A manifestação começou em frente à ALERJ, onde uma audiência publica para discutir os processos de exoneração estava marcada para este dia. Mais de mil pessoas estavam lá desde às 10h da manhã aguardando a audiência, que não aconteceu porque o funcionamento da ALERJ se encerrou ao meio diqfechou ao meio-dia por causa dos jogos da Copa do Mundo. Não bastasse essa Copa do Mundo ter roubado todos os investimentos que poderiam ser feitos na educação, por exemplo, e só ter trazido efeitos negativos e prejudiciais às população brasileira, ela ainda atrapalhou o andamento do processo da greve dos professores. Não é por acaso que a educação se encontra sucateada e os professores sem nenhuma condição de trabalho, enquanto os governos investem bilhões na Copa do Mundo e na compra de armamentos para fazer a segurança dos turistas. [Read More]