Rio de Janeiro: Reintegração de posse no Horto

Vídeo da ação violenta do Batalhão de Choque na reintegração de posse do Clube Caxinguelê.

[Read More]

Rio de Janeiro: violento despejo da Favela da Telerj, no Engenho Novo

Nesse momento, acontece o violento despejo da Favela da Telerj, no Engenho Novo, zona Norte do Rio de Janeiro. O local foi ocupado por milhares de pessoas sem moradia na noite de domingo, dia 30 de março. [Read More]

Istambul (Turquia): “A voz das vossas ruas”

Özgür_Ortak_Alan_1903

Comunicado divulgado no dia 22 março de 2014, durante a tentativa de abrir uma nova okupa no bairro de Beşiktaş, em Istambul:

Em 1903 nasci de pedra e madeira. Sou um produto da mente e do esforço humanos.
Já passei por muitas coisas.
Esforços de operários, os seus filhos na lufa e as risadas de crianças, as leituras dxs professorxs… Depois da vossa deserção, as minhas paredes ficaram húmidas e os meus telhados a gotejar…
Períodos houve em vocês me abandonaram e romperam os laços que alguma vez tínham formado comigo. Com o tempo, também quebraram os ligações entre todxs nós. A cada dia que passa, uma nova barreira surge entre nós. Têm-nos rodeado de cercas. [Read More]

Alemanha: Notícias das ruas de Hamburgo em 21 dez 2013

Hamburg_Schanze_kettle_21.12.2013

Milhares de pessoas vieram para Hamburgo no dia 21 de dezembro para participar do protesto contra o despejo do squat Rote Flora, pelo direito de permanência para os refugiados e para mostrar solidariedade aos moradores despejados das casas Esso.  Todo mundo sabia que seria um dia caótico, com milhares de ativistas autônomos e milhares de policias, uns contra os outros , em Hamburgo. Ainda assim, tudo correu de forma diferente do que primeiro pensei que seria.

O pré- encontro em frente ao squat Rote Flora estava programado para começar às 02:00 , e a grande manifestação internacional foi marcada para às 3:00. Milhares de pessoas já se encontravam por lá desde o meio-dia . A atmosfera era excelente , as pessoas estavam cheias de entusiasmo e queriam levar o protesto para a rua. Então , finalmente, pouco depois das 03:00, a marcha começou . [Read More]

Varsóvia (Polónia): Comunicado da Przychodnia Skłot sobre o ataque fascista a 11 de Novembro de 2013

Squat_Przychodnia_under_attack_Warsaw_Poland

Por volta das 15:45, participantes da ´Marcha da Independência` atacaram o centro social ocupado Przychodnia. Deve-se apenas à nossa determinação e calma termos conseguido resistir à agressão nacionalista. Algumas pessoas ficaram feridas mas ninguém corre perigo de vida.

Os neo-fascistas estavam preparados para fazerem comentários sobre o assunto nos meios de comunicação e informaram imediatamente que foram pessoas da casa okupada que atacaram a sua manifestação desde o telhado, atirando pedras na sua direcção. É óbvio que isto seria impossível porque o final da Rua Skorupki, onde está localizado o edifício, é a cerca de 200 metros da rua Marszałkowska, ao longo da qual os nacionalistas se manifestaram. [Read More]

Brasil: Moradores de Xerém continuam abandonados após enchente

Moradores_de_Xerém_continuam_abandonados_após_enchente

No Rio de Janeiro, todo verão é a mesma coisa: favelas e bairros pobres sãodevastados por chuvas torrenciais mais do que típicas entre os meses dedezembro e abril. Mesmo assim, empurradas para as áreas de risco por conta daspéssimas condições de habitação oferecidas aos pobres, milhares de pessoasmorrem ou ficam desabrigadas todos os anos por conta das chuvas de verão. Esseano, a bola da vez foi o distrito de Xerém, no município de Duque de Caxias,região metropolitana do Rio de Janeiro. Durante uma forte chuva que atingiu olocal, a passagem de uma tromba d’água pelo Rio Capivari — que corta o distrito — fez com que centenas de casas fossem arrastadas pela lama, deixando trêsmortos e cinco mil desabrigados. [Read More]

Brazil: Vídeo “Casas Marcadas”

Vídeo trata das remoções no Morro da Providência (RJ).
http://autogestao.org/

Tags:

Brasil: Solidariedade às famílias do Assentamento Milton Santos!

O Movimento Sem Terra (MST) e parte das famílias que transformaram em lar um latifúndio improdutivo abandonado e cheio de dívidas em Americana (126km de São Paulo) ocuparam desde ontem (15) a sede do INCRA (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária), localizada no bairro da Santa Cecília, centro de São Paulo. [Read More]